Afrodescendente e Cultura popular


URIELSON DUARTE DE MELO

No ano de 1987 começou a escrever sua história, fazendo parte do teatro no seguimento cultural, participando do espetáculo O Muro Manaque o Curumim em 1989. No mesmo ano fez parte do teatro de arena Uma Cruz para Jesus, de 1989 a 1997. Desde 1988 faz parte do seguimento cultural quadra junina, onde começou na quadrilha “Corrente de ouro” que depôs de um tempo veio se chamar “Revelação”, no ano de 1993 foi para o grupo “Estrela Junina”, onde chegou a ser o presidente no ano de 2003. Atualmente está na Federação das Entidades Folclóricas do Amapá FEFAP, como diretor financeiro.

Em 1998 foi fundador do grupo de dança tarumã, no embalo de 1998 a 2002 fez parte do Espetáculo de arena Reis dos Reis.

Nas matrizes africanas em 2010 foi suspenso como OGAN pelo orixá Oxalá na casa de candomblé do Baba Olufani, passando também no seguimento dos blocos carnavalescos, onde foi fundador do bloco “Unidos do Perpetuo Socorro”, bloco “pororoca” bloco “Beijo” e atual presidente do bloco Nana Banana. Ainda nessa caminhada ajudando e contribuindo no seguimento do Marabaixo desde 2015, com o grupo cultural Raízes do Bolão em eventos e outras mobilizações da nossa cultura.

Em 2006 foi um dos fundadores e idealizadores da 1° Federação de músicos do Amapá FEMUSICA, onde fez parte por dois (02) anos como diretor de projetos, em 05 de novembro de 2007, ganhou a medalha de mérito cultural do governo do Estado do Amapá, ainda em 2007 teve seu projeto aprovado, pelo conselho estadual de cultura CONSEC. 1° Festival de danças populares do Estado do Amapá.

Boemista de coração mais com passagem como diretor de barracão de alegorias da escola de samba Universidade Boêmios do Laguinho e conselheiro e diretor de carnaval da escola de samba solidariedade. Filho de Tereza de jesus Sá Duarte que também por muitos anos envolvida em movimentos culturais e sociais (quadra junina e carnaval), e Josino de Melo um dos homens que mais lutou no estado pelos movimentos de associações de bairros sendo o 1° presidente do COAM-AP (Conselho de Associação de Moradores) o mesmo por várias vezes foi homenageado no meio cultural fez parte da quadra junina e do carnaval. No ano de 2004 foi homenageado com o “forrozão do Tio Josino” e em 2007 foi condecorado com um certificado de mérito do Conselho de Cultura do Estado.



COMO CHEGAR
NEWSLETTER

Receba nossas notícias em seu e-mail ou celular.

CEPC - CONSELHO ESTADUAL DE POLITICA CULTURAL
Av. Profa. Cora de Carvalho, 1842 - Central, Macapá - AP, 68900-040 - (96) 3212-1110 -
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2017 - 2019 Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá